Metallura tyrianthina (Loddiges, 1832)

Nome popular - Metalura Tiria (espanhol)

Nome em inglês - Tyrian Metaltail

Os sexos têm plumagem diferenciada.

Comprimento 9-10 cm. Peso 2,7-5,1 g.

Acima, um macho e as flores

de uma Fabaceae sp.

Esta espécie possui ampla distribuição geográfica e pode ser encontrada nos seguintes países: Bolívia, Colômbia, Equador, Peru e Venezuela. Existem 7 subespécies que variam consideravelmente de cor em alguns casos. Este pequeno beija-flor é encontrado em florestas úmidas, especialmente nas clareiras crescentes perto das bordas da floresta. Agarram-se ou pairam sobre as flores, na maioria das vezes ao redor de bordas de florestas arbustivas ou ao longo de estradas. Machos são bastante agressivos e defendem pequenos aglomerados de flores. As populações deslocam-se por distâncias consideráveis entre as estações e, ao longo do ano, os indivíduos geralmente se reúnem com aves do mesmo sexo.

A principal característica que distingue os machos desta espécie é a mancha verde-brilhante na garganta, ausente nas fêmeas.

Um macho e as flores da

Fucshia boliviana (Onagraceae).

Um macho e as flores de

Anigozanthos flavidus

(Haemodoraceae),

planta originária da

Austrália e Nova Zelândia.

Um macho em posição que mostra suas bela cauda colorida e com reflexos metálicos. Esta espécie não

revela suas cores facilmente

e no ambiente aparecem

sempre muito escuros.

Uma fêmea e as flores de

Crocosmia lucifer (Iridaceae),

planta originária da África e Madagascar porém cresce em estado nativo em várias regiões do Globo.